Vera: Vigilância Ambiental de Vera realiza neste sábado (21) o Dia D de Vacinação Antirrábica

(66) 9 9982-8122


NOTÍCIAS / Policia

Vera: Vigilância Ambiental de Vera realiza neste sábado (21) o Dia D de Vacinação Antirrábica

Assessoria   

19 de Setembro de 2019 as 22:08

Assessoria

A Secretaria Municipal de Saúde de Vera através da equipe da Vigilância Ambiental estará realizando neste sábado (21) o Dia D da Campanha de Vacinação Antirrábica este ano a vacinação terá cinco equipes em cinco pontos para realizar a melhor cobertura do município. Os pontos de vacinação serão a quadra de esportes da Escola Municipal Aloísio Jacob Webler, em frente à Prefeitura Municipal de Vera e na Garagem da Prefeitura, nestes três pontos os horários de vacinação serão das 08h às 17h. Já na Quadra de esportes do bairro Bom Jesus o horário será das 08h às 11h e na Quadra de Esportes do Bairro Princesa Izabel das 13h às 17h.

A meta geral da campanha de vacinação antirrábica em Vera é de 3070 animais contando com a área rural e urbana. No dia D a equipe da Vigilância Ambiental espera imunizar de 70 a 80% da população estimada de cães e gatos do município. De acordo com o Chefe da Vigilância Ambiental, Samuel Raimundo da Silva, é de suma importância que os tutores levem seus animais de estimação para receber a vacina.

“A nossa campanha vai ser realizada no dia 21 sábado agora é uma campanha de vacinação antirrábica de cães e gatos, que é realizada em Vera todos os anos. E desde já quero pedir a toda a população que não deixe de levar seus animais para receber a vacina. É de suma importância que a população vacine seus animais, levem seus cães e gatos para serem imunizados contra a raiva. A vacina é totalmente gratuita. E teremos cinco equipes trabalhando em cinco pontos de vacinação. É importante que as pessoas não esqueçam de levar as carteirinhas de vacinação dos animais, para que nos possamos saber se o animal foi imunizado na campanha passada ou não. Mas caso o animal não tenha a carteirinha nossas equipes estarão fazendo uma nova nos locais da campanha”, ressaltou Samuel.

A raiva é uma doença infecciosa viral aguda, que acomete mamíferos, inclusive o homem, e se caracteriza como uma encefalite progressiva e aguda com letalidade de aproximadamente 100%. O vírus é transmitido do animal para o homem principalmente através de mordida. Cães e gatos são os principais veículos da doença. Podem ser vacinados cães e gatos saudáveis a partir de três meses de vida, inclusive as fêmeas grávidas ou que estejam amamentando. A vacina contra raiva imuniza o animal por um ano, sendo necessário um reforço a cada 12 meses.

Samuel destacou a importância dos adultos levarem os animais para tomar a vacina, e caso de crianças quererem levar os animais que estejam acompanhados de um adulto. “Quero pedir que os pais e responsáveis não deixem as crianças irem sozinhas levar seus cães ou gatos por que às vezes o animal e bravo e as crianças não conseguem segurar. Se a criança for que ela seja acompanhada por um adulto, às vezes na presença de outros animais o cão pode ficar agressivo e a criança não dá conta de segurar. É muito importante que as pessoas vacinem seus animais para que eles não venham a contrair a raiva, por que tem casos desta doença em nossa região”, concluiu o Chefe da Vigilância.

Os tutores que já vacinaram seus animais de estimação contra raiva este ano em petshops ou em agropecuárias não precisam levá-los para receber a vacina novamente.



© 2019 - JK Notícias - Todos os Direitos Reservados