Plantão
Educação e Esporte

MT: Paralisação de professores deixa 774 escolas estaduais sem aula

Publicado dia 07/08/2018 às 16h38min | Atualizado dia 07/08/2018 às 22h34min
O protesto é pelo atraso no repasse da segunda parcela do Projeto Político Pedagógico e do Programa de Desenvolvimento da Escola (PDE), que corresponde a R$ 7 milhões.

A paralisação dos professores da rede estadual, netsa terça-feira (07), deixa alunos de 774 escolas sem aula em todo o Estado.

A medida é um protesto pela falta de repasse financeiro para o custeio de serviços básicos como alimentação e higiene dos alunos.

O ato foi definido por diretores de escolas em audiência realizada na sexta-feira (03), na Escola Estadual Liceu Cuiabano, em Cuiabá.

A reclamação é de que a segunda parcela do Projeto Político Pedagógico e do Programa de Desenvolvimento da Escola (PDE), que corresponde a R$ 7 milhões, não teria sido repassada pela Secretária de Educação (Seduc). 

O projeto prevê a destinação de R$ 68 por aluno ao longo do ano para despesas de custeio.

Outro lado

A Secretaria de Educação do Estado informa que o repasse de R$ 7 milhões referentes a 70% da segunda parcela do PPP/PDE será encaminhado na segunda-feira (13).

Fonte: Repórter MT