Hora Certa
O que tem causado a quebra de hastes da soja?
Fonte: AGRO LINK
06 de Janeiro de 2022 as 13:23
O que tem causado a quebra de hastes da soja?
INTERNET

Produtores de diferentes regiões do país estão relatando o mesmo problema. Com a soja já grande, a base quebra, fazendo a planta tombar precocemente. Já há caso do quebramento de haste principal no Rio Grande do Sul, Paraná, Maranhão e especialmente, em Mato Grosso, com maior frequência na região de Sorriso desde a safra 2020/2021, expandindo-se para outras regiões adjacentes na safra 2021/2022, de acordo com informações da Proteplan Pesquisa Agrícola. 

O problema é caracterizado, incialmente, pelo alongamento do caule entre a folha cotiledonar e as folhas primárias, seguido pelo estreitamento dessa mesma região e posteriormente pela quebra da haste principal a partir da fase reprodutiva, causando a interrupção do ciclo da cultura. A causa da quebra da haste ainda é desconhecida. Especialistas e pesquisadores buscam entender o problema. Ainda não se sabe se seria um fungo ou uma deficiência de nutrientes ou qualquer outro fator possível.  São buscadas respostas nas áreas de fisiologia das plantas, fitopatologia, entomologia, e genética. Por enquanto o que se observa são imagens como a ao lado, com uma lavoura em Lucas do Rio Verde (MT) com acamamento causado pelo problema, formando desenhos indesejáveis na lavoura. A Proteplan divulgou um comunicado reforçando que os estudos estão sendo feitos nas mais diversas regiões afetadas pelo problema e que tão logo os resultados estejam mais avançados serão divulgados. (Foto: Proteplan/MT). 

Segundo a Embrapa o problema não é novo e já foi observado em lavouras do sudoeste de Goiás, na década de 90, no Maranhão em 2000  e no Paraná, em 2015. No entanto, as causas ainda não são claras e o clima não seria uma explicação já que varia entre as diferentes regiões produtoras.  

Os estudos já são feitos pela própria Embrapa junto com a Fundação Rio Verde e um grupo de pesquisadores. "Assim que conseguirmos reunir um pacote de informações concretas, que possam ajudar os produtores na sua tomada de decisões, divulgaremos esses resultados para toda a comunidade para ajudá-la a minimizar os problemas que temos tido nas lavouras", disse Fabio Pittelkow, diretor de pesquisa da Fundação Rio Verde.  

 

INSCREVA-SE NO YOUTEBE DO JKNOTICIAS.COM

https://www.youtube.com/channel/UCzooRbRiJPcHuTcCwgUvxhw

SIGA O JKNOTICIAS NO INSTAGRAM

https://www.instagram.com/jknoticias/

 

LINKS JKNOTICIAS.COM. SE COLOCAR QUALQUER TIPO DE PROPAGANDA OU POSTAGEM OFENSIVA VAI SER DELETADO

GRUPO 01: https://chat.whatsapp.com/HVWWP011szVHzneit7Ng3F

GRUPO 02: https://chat.whatsapp.com/JXY9AMOAo5K5GwD6xK4Uh5

GRUPO 03: https://chat.whatsapp.com/JNHQbTX8B1y2BnOH0AbuB6

GRUPO 04: https://chat.whatsapp.com/HRW07jKz9j2L9Y4qO0tUmW

GRUPO 05: https://chat.whatsapp.com/Lgy1yjcuSiJFGcEPfQXnj2

GRUPO 06: https://chat.whatsapp.com/KJw1rNiNpMWAZq0wsSHq3o

GRUPO 07: https://chat.whatsapp.com/GxRtJAWrZsg5PhbtblYwe6

GRUPO 08: https://chat.whatsapp.com/LFCtR9Notme7J8Thm0Bwnu

GRUPO 09: https://chat.whatsapp.com/Csx5dhyBIMz9dcdCp2ljMt

GRUPO 10: https://chat.whatsapp.com/IKmYjKpSRpGFwv5h4bV56L

GRUPO 11: https://chat.whatsapp.com/FygClLDEmY224TcqCuI1Y2

GRUPO 12:  https://chat.whatsapp.com/Ko7KZCRmg5pCu5mly7ibg9

GRUPO 13: https://chat.whatsapp.com/JrklRXPNsPo8qBaNKgshQK

GRUPO 14: https://chat.whatsapp.com/HCDmjfuMKIn4If8SwJyDdF

GRUPO 15: https://chat.whatsapp.com/D1l54sJM5s9Fd51WYNldOI

GRUPO 16: https://chat.whatsapp.com/HJDljcyTUTK6ge6jWsjbgR

GRUPO 17: https://chat.whatsapp.com/Dc99bJDQDPN5YdnQACDKwm

GRUPO 18: https://chat.whatsapp.com/CclfR08SoAeAUKmecZf03g

GRUPO 19: https://chat.whatsapp.com/Gj2vK5fP6XRCIVCuw3VjtO

GRUPO 20: https://chat.whatsapp.com/HBPrYzMlzfu9XrMEwkP5qm