Hora Certa
Casal encontra ‘bolo de sucuri’ acasalando às margens do Rio
Fonte: Correio Braziliense
15 de Novembro de 2022 as 13:40
Casal encontra ‘bolo de sucuri’ acasalando às margens do Rio
REDE SOCIAL

Um casal foi surpreendido enquanto pescavam juntos no Rio Paraná, em Altônia, localizado no noroeste do Paraná. Enquanto passavam pela margem do rio, a dupla se assustou ao avistar um amontoado de sucuris. 

No vídeo, gravado no fim de outubro, o casal aparece passando pelo local, aparentemente tranquilo, quando viram cerca de 14 cobras juntas. "Vai, amor. Estou com medo! Vanderlei, você está indo muito perto, estou com medo", disse a mulher. 

Matheus Rabello, médico veterinário especializado em animais silvestres e exóticos e proprietário da clínica veterinária Exotic Life, explica que o momento flagrado pelo casal se trata de um fenômeno reprodutivo comum entre a espécie sucuri verde. 

"Algumas outras serpentes também tem esse hábito, que é a fêmea, que é muito maior do que os machos, podendo chegar a ter 30 a 40 vezes o tamanho e o peso de um macho, ter contato com vários machos para fazer o acasalamento", explica. 

Outro fato curioso, segundo o médico veterinário, é que após o acasalamento, pode ocorrer da fêmea se alimentar do próprio macho. "Essas fêmeas, durante o processo reprodutivo, ficam cerca de 7 a 9 meses sem se alimentar depois que acasalam, então pode acontecer, inclusive, dela se alimentar de algum desses machos, é um processo natural", conta. 

Para evitar acidentes, Rabello alerta que, caso presencie alguma cena parecida, evite chegar perto dos animais. "Evite ao máximo o contato com animais de vida livre dessa natureza, porque no melhor dos cenários você vai prejudicar o processo reprodutivo natural, prejudicar um evento magnífico como esse, ou acabar se acidentando, então o ideal é que nunca chegue perto", explica.