Hora Certa
Fechamento de comércio não traz risco a MT, diz governador; Prejuízo deve ser local
Fonte: Folha Max
23 de Novembro de 2022 as 14:03
Fechamento de comércio não traz risco a MT, diz governador; Prejuízo deve ser local
INTERNET

Após divulgação do comunicado de empresários que decidiram fechar as portas até domingo (27), o governador em exercício Otaviano Pivetta garantiu que não há risco de desabastecimento no Estado. Ele considerou que, se houver prejuízo, será local.
 

A Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Sorriso (420 km ao Norte) confirmou que os empresários da cidade se reuniram e decidiram fechar as portas de seus estabelecimentos a partir da tarde de hoje (22), em protesto contra o resultado das eleições. O mesmo deve ocorrer no município de Sinop (500 km ao Norte). Em entrevista à imprensa nesta terça-feira (22), Pivetta comentou o caso. “Eu vi essa nota. É um setor importante. Não é só Sinop, tem Sorriso também, isso é um movimento legítimo, não há nenhum problema desde que ninguém seja coagido a fechar seu comércio, se é uma decisão voluntária fechar seu ponto comercial, paciência, vamos esperar abrir né?”.
 

O governador em exercício reforçou que é pouco provável que haja desabastecimento por conta do fechamento do comércio e que isso “é uma coisa que não nos preocupa por hora”. “É pouco provável, nós não vemos nenhum sinal de que isso possa acontecer, as rodovias estão todas fluindo, as mercadorias estão sendo transportadas. [...]. Deve dar algum prejuízo, mas é um prejuízo local e não temos como interferir nisso [...] é um direito dos comerciantes, se não tiver violência, se não tiver impedimento, coação, quando não tiver ato anormal é um direito da sociedade fazer o que quiser” 

Em Sorriso, o promotor Márcio Florestan chamou atenção para “comissão” que passaria em comércios que estavam abertos