• RAMALANTOTO
  • RAMALANTOTO
  • RAMALANTOTO
  • RAMALANTOTO
  • RAMALANTOTO
  • RAMALANTOTO
  • RAMALANTOTO
  • RAMALANTOTO
  • RAMALANTOTO
  • RAMALANTOTO
  • RAMALANTOTO
  • RAMALANTOTO
  • RAMALANTOTO
  • RAMALANTOTO
  • RAMALANTOTO
  • CuriosidadesEducação

    Sorriso: Alunos da Rede Municipal participam de Dia de Campo-Encontro de Culturas no Parque Indígena do Xingu

    “Por mais que estudamos, pesquisamos literaturas em sala de aula, nada substitui esse dia de experiência, de convivência, de participar e interagir”.

    𝐀𝐧𝐭𝐞𝐬 𝐝𝐞 𝐝𝐞𝐢𝐱𝐚𝐫 𝐬𝐮𝐚 𝐎𝐏𝐈𝐍𝐈𝐀̃𝐎 𝐨𝐮 𝐂𝐑𝐈́𝐓𝐈𝐂𝐀, 𝐟𝐚𝐜̧𝐚 𝐬𝐞𝐮 𝐏𝐈𝐗, 𝐜𝐨𝐦 𝐨 𝐯𝐚𝐥𝐨𝐫 𝐪𝐮𝐞 𝐩𝐮𝐝𝐞𝐫, 𝐞 𝐚𝐩𝐨𝐢𝐞 𝐨 𝐉𝐊𝐍𝐎𝐓𝐈𝐂𝐈𝐀𝐒.𝐂𝐎𝐌 𝐚 𝐜𝐨𝐧𝐭𝐢𝐧𝐮𝐚𝐫 𝐭𝐞 𝐝𝐞𝐢𝐱𝐚𝐧𝐝𝐨 𝐢𝐧𝐟𝐨𝐫𝐦𝐚𝐝𝐨. 𝐅𝐚𝐜̧𝐚 𝐮𝐦𝐚 𝐃𝐨𝐚𝐜̧𝐚̃𝐨 𝐩𝐞𝐥𝐚 𝐂𝐇𝐀𝐕𝐄 𝐏𝐈𝐗: 𝟐𝟖.𝟏𝟓𝟏.𝟐𝟗𝟕/𝟎𝟎𝟎𝟏-𝟎𝟓 𝐑𝐀𝐙𝐀̃𝐎 𝐒𝐎𝐂𝐈𝐀𝐋: 𝐌𝐈𝐃𝐀𝐒 𝐏𝐔𝐁𝐋𝐈𝐂𝐈𝐃𝐀𝐃𝐄 𝐄 𝐌𝐀𝐑𝐊𝐄𝐓𝐈𝐍𝐆

    Em celebração a 19 de abril, Dia dos Povos Indígenas, cerca de 27 alunos e professores do Centro Municipal de Formação para Profissionais da Educação e das Escolas Bela Vista, Ivete Lourdes Arenhardt, Rui Barbosa e Primavera visitaram a Fazenda Agroraça e a Aldeia Mirassol, da etnia Aweti, durante o projeto “Dia de Campo-Encontro de Culturas”, no Parque Indígena do Xingu, em Gaúcha do Norte.

    O projeto que está na 3ª edição, tem a parceria da Prefeitura Municipal, por meio da Secretaria de Educação (Semed), e faz uma imersão a cultura e aos costumes dos povos da mais importante reserva indígena do Brasil, em meio a biodiversidade da região, além de conhecer como a tecnologia tem influenciado no manejo do agronegócio naquela região, como destacam os professores Rui Freire Guimarães e Sandra Terezinha Grando, idealizadores do projeto nas escolas de Sorriso.

    “É uma riqueza de conhecimentos que contempla praticamente todas as áreas da educação. Uma experiência incrível onde a gente pode desfrutar das riquezas existentes da nossa floresta, do cerrado, das matas de transição, das bacias hidrográficas, dos animais durante o percurso. Essa vivência com a cultura do índio, a pintura, a culinária, a arquitetura são conhecimentos que transcendem e fazem a diferença de todos nós”, pontua o professor Rui Freire Guimarães.

    Na oportunidade, os visitantes aprenderam um pouco sobre a fauna e flora do local e a produção dos alimentos consumidos pela comunidade, onde os índios apresentaram as plantas utilizadas nos rituais indígenas, bem como as sementes utilizadas nas pinturas e o significado de cada uma delas. Eles aproveitaram também para fazer uma ação de reflorestamento na Fazenda Agroraça.

    “Eu achei tudo muito interessante, a plantação de mandioca, como os índios estudam, a escola, onde eles tomam banho, a dança, a roupa etc. Conhecemos também como os profissionais da Fazenda Agroraça utilizam a tecnologia no agronegócio na agricultura de precisão, em que eles usam um drone para identificar as ervas daninhas, para depois pulverizar somente onde precisa”, destacou o aluno Tarcísio Luiz, do 8º ano.

    Outro momento importante foi o passeio à Fazenda Agroraça, em que os agrônomos abordaram, durante palestras, sobre a rotina produtiva, os maquinários utilizados no dia a dia, as técnicas de plantio dos grãos e sobre o uso da tecnologia em meio ao campo.

    “O agro faz a diferença em nossas vidas. A ideia é apresentar a essas crianças o contexto geral e quem sabe despertar a vocação para o agro por meio desse convívio e do dia a dia do homem no campo”, pontua a professora Sandra Terezinha.

    A aluna Maisa Rodrigues, do 9º ano, da Escola Municipal Primavera, resume o passeio em momentos de muito aprendizado que vão ficar marcados na memória de cada um deles.

    “É uma cultura muito linda. Eu nunca imaginei que uma aldeia indígena era daquele jeito, grande e bonita. Sobre o dia de campo, tivemos a oportunidade de conhecer plantações de girassóis, de gergelim, de arroz, de amendoim, que eu nunca tinha visto e foi muito bom descobrir como eles fazem para o alimento ser de boa qualidade sem prejudicar o meio ambiente. Tudo isso me despertou a vontade de trabalhar nisso futuramente”, frisa.

    ASSESSORIA

    Faça sua denúncia, envie através de nosso WhatsApp, Fotos, Vídeos. Seus dados pessoais estarão protegidos, nos termos da Lei 13.460/2017. +55 66 99982-8122.

    Postagens Relacionadas

  • PADANGTOTO
  • PADANGTOTO
  • PADANGTOTO
  • PADANGTOTO
  • PADANGTOTO
  • PADANGTOTO
  • PADANGTOTO
  • PADANGTOTO
  • PADANGTOTO
  • PADANGTOTO
  • PADANGTOTO
  • PADANGTOTO
  • PADANGTOTO
  • PADANGTOTO
  • PADANGTOTO
  • PADANGTOTO
  • PADANGTOTO
  • PADANGTOTO
  • PADANGTOTO
  • PADANGTOTO
  • PADANGTOTO
  • PADANGTOTO
  • PADANGTOTO
  • PADANGTOTO
  • PADANGTOTO
  • PADANGTOTO
  • PADANGTOTO
  • PADANGTOTO
  • PADANGTOTO
  • PADANGTOTO
  • PADANGTOTO
  • PADANGTOTO
  • PADANGTOTO
  • PADANGTOTO